quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Porca.

Não tem mais como mentir pra mim (e pra vocês) dizendo que vou ficar aqui PORQUE EU NUNCA FICO. Eu adoro abandonar as coisas, e o blog é uma delas.
Tão cansativo sempre chorar as mesmas coisas, sempre me xingar das mesmas coisas, argh.

IMC 29
83 Kg

É essa a realidade da vez. Estou em "obesidade leve/sobrepeso". Até a palavra me dá vontade de V-O-M-I-T-A-R.
As coisas só mudam quando a gente far por merecer, e eu não estou fazendo, nem de longe! O menor peso do ano foram agradabilíssimos 74kg, que recuperei em, sei lá, 3 dias?

Tô desgastada da vida, e sou mole demais pra tentar me matar. Na verdade eu acho que não resolveria coisa nenhuma, pois eu voltaria, e seria muuuuito pior! O jeito é aprender a se foder menos nessa vida mesmo, tomar bastante no meu pra ver se dá certo e eu aprendo.

Eu fiquei só no suco de maracujá (sem açúcar) hoje, e tô me sentindo um balão astronômico. Porque não é o que eu como hoje, ou comi ontem, é o que comi a vida toda que está acumulado aqui, nas minhas coxas, na minha barriga, nas minhas COSTAS. É ridículo pensar que tudo que entra pela minha boca para nessa porra de corpo, e eu não faço nada, n-a-d-a para tentar tirar. Nem tenho me dado ao trabalho de vomitar mais.
Só não como, só desmaio o tempo todo, porque me desacostumei, eu me forço aos extremos.

Quando alguém descobrir como retirar 40kg de gordura do corpo em um dia, me avise! Se isso valer uma dor parecida com a de um caminhão passando bem devagar no nosso crânio, eu quero, não me importo!

É tudo irrelevante,
cansei de brincar de menininha-sofrida-da-vida-impossível.

Quero ter orgulho do que eu faço, orgulho do que posso me tornar.

Essas marcas no meu corpo precisam valer a pena, isso tem que fazer sentido algum dia.

Por favor.

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Intro.

Essa papo batido de "estou gorda/mal/depressiva/fatiando minhas enormes coxas" enche mais a mim do que a vocês, juro. Então prometo chorar isso para as paredes e não aqui.

Não vou mais prometer que vou voltar sempre, porque eu nunca volto, hahaha. Mas minha cabeça/estômago/alma SEMPRE estarão com vocês, em cada linha de "eu sou uma estúpida/comi demais/não mereço estar aqui".


Estou empregada, sem namorado (o que é realmente muito bom, acreditem, me livrei de um enorme peso), com dinheiro e cheia de planos.
Subi e desci os números desde agosto, a última vez em que estive aqui. Mas prometi a mim mesma que manteria expectativas baixas, então, estou indo bem pois perdi 2kg de sexta-feira pra cá! Vou enumerar os títulos com meu peso daqui pra frente, assim fico me sentindo uma estúpida por perder peso tão devagar, e quem sabe me motivo. Tô cheia de tempo livre e a maconha ainda não bateu, então vou passar no blog de todo mundo pra dar um oi, parabenizar, etc.
 Preciso de um meio mais "leve" pra falar com vocês, apesar de achar que não tem lugar melhor do que aqui, hm.



Ahn, quase me esqueci! Eu voltei pro balé :v
Saio frustrada de lá por saber que eu ainda visto 40 e todas as gurias de lá ficam frouxas num 36, mas fazer o que, né? É bom começar a correr bastante, ano que vem está aí, a faculdade vai voltar oficialmente e eu sinto uma vontade gritante de ser um novo alguém todo dia 01/01. Quem sabe 2015 não é meu ano (e o de vocês). Quem sabe tudo não comece a caminhar na direção que nós queremos.



Fiquem bem, sempre.
Ainda vou gostar de mim como mereço, e vocês também.



Ps: Planos para o final da semana: THC, dieta das frutas e LF de no máximo 200 kcal. Me comprometo a passar aqui no domingo pra contar o resultado!

sábado, 19 de julho de 2014

"Quando eu era uma garota de verdade,

com um pai, uma mãe e uma casa, e sem lâminas brilhantes, o café da manhã era granola com morangos frescos."


Oi, eu não sabia como começar esse texto/pedido de desculpas/volta, então meio que soltei aleatoriamente uma frase do livro Garotas de Vidro que metade do mundo já leu.

Estou bem, consegui voltar para o manequim 42 e estou realmente me esforçando para ser uma boa pessoa. Superei tudo o que vinha chorando pra vocês no post passado, fui me afundando em algumas coisas, escalando poços de outras, mas no geral a vida até que tem caminhado. Arrumei um emprego, mas já quero trocar. Arrumei um namorado, mas ele me deixa tão confusa, e faz com que todas as vezes em que eu penso nas coisas que conversamos, minha cabeça quer explodir e voar para todos os lados, só pra não ter mais que pensar em como sou ingênua/facilmente influenciável.

 Mas e vocês? Senti muita saudade, mas não tinha cara para voltar, mesmo. Agora tudo vai dar certo.

Espero voltar mais vezes.
Preciso de vocês;*

terça-feira, 27 de maio de 2014

Eu espero que a vida seja boa com você.

Te trate bem, te faça entender, de forma doce, que os humanos são monstros.


Passei, mais uma vez, só pra avisar que venho fracassando e não tenho saco pra nada. Postar, pensar, arrumar um jeito de mudar tudo. Tenho tomado chá verde e feito só uma refeição por dia, mas isso só me faz acumular mais e mais gordura, e já estou usando 44 de novo.

Só volto quando for digna de estar aqui, viver aqui.

Que vocês arrumem um bom apoio, que alcancem, rapidamente, suas metas. Esperar é sempre uma bosta. Causa decepção.


quinta-feira, 8 de maio de 2014

ECA.

Quando penso nessa palavra (ou sigla), logo me vem à mente aquela coisa de "eca, uma barata!". É até mais gostoso pensar assim.

Oi. Eu disse que ia sumir, mas a minha criança dorme muito e eu fiquei de bobeira haha Fui na farmácia e enchi meu estoque pra, no mínimo, dois meses. Franol, aspirina, anador, lacto purga, enfim. Vou retomar o ECA amanhã, e quero ver o quanto meu corpo aguenta. Fiz uma vez por três dias, mas passei tão mal que peguei trauma. Fiz tudo errado, claro. Mas agora quero seguir as regras direitinho e ficar mais próxima das casa dos 60.

Sábado tenho a prova oficial da faculdade, lá na Paulista. Não estou ansiosa, e quero só mandar energias positivas pra esse dia, porque preciso que tudo dê certo.

Liguei na empresa que quero trabalhar e perguntei quando seria o treinamento. Ficaram de me retornar mas até agora nada. Um sinal? Talvez. Vou esperar até o dia 15 (que foi o dia oficial que me passaram pro início do treinamento) e então eu vou atrás de outra coisa.

E aí, cês tem feito alguma coisa?

Eu cai na bobeira de retomar o contato com um ex muito antigo, que por sinal é um canalha. Tenho uma queda por quem me joga pra baixo, vai entender. Mas tô indo devagar, não quero problema agora.

E, ahn, vou na Virada Cultural! Quero começar a curtir minha adolescência. PRECISO! Ano que vem faço 20 anos e tudo o que eu tenho feito é estudar, dormir e ficar de cara em casa, argh. Isso era até legal, mas sinto falta de interação humana.

Bom, é isso. Até amanhã, ou sei lá. Cuidem-se!

xx

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Uma princesa no meu castelo.

Oi meninas! Só passei pra avisar que fiquei sem internet esses dias, por isso não entrei. Minha irmã caçula veio passar um tempinho aqui na minha casa, ela está com o braço quebrado ;-; então eu meio que vou dar prioridade a ela, e no domingo ou na segunda passo aqui, ok? Quando voltar passo no blog de todo mundo, prometo.

E só pra avisar, continuo firme nos polichinelos! Todas as minhas roupas estão frouxas, e eu tô toda boba huahua

Cuidem-se! Até mais

xx

domingo, 4 de maio de 2014

"Motivação te ajuda a começar, hábito te faz continuar."

Ontem não cumpri a meta de fazer mais 100 polichinelos, mas hoje compensei fazendo uma maratona de exercícios com a minha irmã! Estou com a energia pulsando no meu corpo.

Dividi uma maçã em quatro e fui comendo conforma fazia pausas nos exercícios. Bebi bastante aguá e agora estou estirada no sofá, quase dormindo HAUHAU Só queria passar aqui pra dizer que consegui, e que estou muito feliz. E também pra deixar uns links que achei interessante.


Vamos lá.

Primeiro, uma matéria sobre alimentos ruins: http://www.ecodesenvolvimento.org/posts/2011/abril/nutricionista-lista-os-10-piores-alimentos-para

É bem interessante, e me alertou sobre coisas como o refrigerante diet. (N.P.: cortar isso da minha vida)

E também tem esse documentário da HBO sobre cutting. Uma guria postou numa comunidade que participo e achei bacana. Sei que muita gente aqui abomina essas coisas (por não entender), e outras que sofrem com isso ): Enfim, aqui está: https://www.youtube.com/watch?v=qIY2Vyeni8E
(não coloquei o ícone do vídeo aqui porque tá embaçado de mexer nesse blog hoje HAUHAU)

Bom, é isso 'u' Pretendo fazer mais alguns exercícios antes de ir pro quarto, porque meu pai já está preparando o almoço aqui, argh

Cuidem-se! 'u'

xx

sábado, 3 de maio de 2014

"Uma das tarefas mais difíceis e recompensadores é conseguir mudar!"

Não sei onde li isso, mas faz todo o sentido agora.

Com todo o desastre de ontem aprendi uma coisa: Punições funcionam! Eu estava evitando ao máximo usar laxantes, porque meu estômago está realmente danificado e as cólicas se intensificavam muito. Mas eu tinha outra escolha? Óbvio que não. Passei a madrugada inteiro indo e voltando do banheiro, mas deu resultado. Acordei me sentindo menos pesada, e bolei um plano pra parar de ser tão babaca.
Sempre que pensar em postar aqui, tenho por obrigação fazer ao menos 100 polichinelos. 50 antes, pausa pra escrever, 50 pra postar. Não é lá grande coisa, mas assim eu me acostumo a fazer exercícios e quero que isso volte a ser um hábito. Vou deixar isso como meta para outras coisas também, como ler aquele livro que eu quero, sair, etc. Vamos ver se aprendo assim HUAHAUH

Enfim, me perdoem por todo o estardalhaço de ontem. Não gosto de postar palavras de baixo calão por aqui, vai saber por que! Mas é isso, agora que a tormenta passou, é começar tudo de novo e nunca parar.
Eu sempre bolo planos mirabolantes, mas raramente vou até o fim. Então a partir de agora vou colocar essas coisas como metas pessoais (como os exercícios) e vou ser mais dedicada.

Tenho até o dia 15 pra ficar de bobeira em casa, então sem desculpa! Quero perder pelo menos 5kg, e sei que não é impossível.

Qualquer novidade, corro pra cá.

Cuidem-se.

OBS: 100 polichinelos feitos! Quero mais 100 até o fim do dia.

xx

sexta-feira, 2 de maio de 2014

Pt. 2

Atualização de ultima hora. Desabafo necessário.

FODI TUDO, TUDO, TUDO! Fodi NF, fodi LF, fodi a vida.
Comi como uma porca no deserto, cara. Comi ontem, hoje, meia hora atrás, TUDO QUE TINHA NA FRENTE EU COMI. Tomei cinco laxantes, me sentindo mal pra caralho. Hoje cedo tinha comprado umas lâminas pro meu pai, quase adivinhando o que estava por vir. Resultado? Me desesperei e quebrei um regime de oito meses sem fazer essas porras. E pra piorar, quando estava tomando coragem pra cortar realmente fundo, a galera de casa chegou.

E não tem desculpa, sabe? Logo hoje que eu entrei numa calça que não entrava a meses.
Tô me sentindo uma porca gorda. Tô querendo rasgar o estômago e puxar toda a banha pra fora.

O desespero passou, mas eu tô despedaçada emocionalmente e fisicamente.

Odeio ser tão otária.

quinta-feira, 1 de maio de 2014

[...] eu que já não sou assim muito de ganhar.



"tenho escondido de mim mesma coisas importantes demais. já me dizia Cazuza que reter choro vai aguando a gente por dentro, porque é uma água imunda. eu não choro por nada que foi perdido, mas por tudo que tenho. porque eu não sei ter as coisas, que tudo descolore na minha mão e eu acabo quebrando só pra manter a pose de durona.
 isso não é sobre nós, sobre mim ou você, é sobre uma expectativa que eu guardei e aguou. e agora?"




Olá vocês! Já nem preciso mais dizer a força que o dia primeiro exerce sobre minha personalidade, né? Eu revivo ;=;
Estou num NF "do bem" com uma guria no grupo do whatsApp, queremos chegar a 48 horas, e depois LF até dia 7.
 Eu tenho passado melhor do que imaginei que passaria. A nuvem negra se foi, e me sinto preparada pra fazer a diferença!

Eu fui em um milhão de entrevistas de emprego, e finalmente passei! Dia quinze começa o meu treinamento.
Também estou quase resolvendo as papeladas da faculdade, mas meu curso só começa em agosto, então não tem tanta pressa.

Sky Ferreira está vindo pra SP, e eu e a Alie vamos no show! Se eu não me engano é dia 11 de junho, e os ingressos já estão sendo vendidos. Pra galera que curte, não percam porque vai ser muito bom.

Bom, acho que consegui resumir tudo HAUHA E, ahn, estou hiper gripada. O que ajuda muito, já que minha fome vai a zero nessas fases.

E vocês, como vão?

xx

domingo, 20 de abril de 2014

Atualizando.

Semana passada foi bem pesado pra mim, e não tive condições de vir postar. Foi a "semana da despedida", e eu passei praticamente o tempo todo chorando. A viagem foi "tranquila", em relação a voo e etc, mas eu chorei demais. E detesto chorar na rua, ficar vulnerável.
Eu não tenho comido nada, por dias. Eu não quero comer, não quero estar aqui.
Quando eu tinha meu namorado por perto, as coisas tinham um porque.

Pode parecer papinho de adolescente idiota, que vive pelo relacionamento. Mas ele era meu melhor amigo, e eu aprendi a passar todos os meus dias com ele. Enfim, enfim, enfim. Vai passar. Mas enquanto não passa, eu quero curtir essa fossa e não sair da cama. É claro que pode me dar na telha de vir pra cá e falar, iniciar dietas pesadas, etc.


Mas por enquanto eu só quero um tempo. Pra mim, pra ajeitar as coisas.

Me perdoem, e se cuidem.
Até mais.

terça-feira, 15 de abril de 2014

Retomando o controle.

Sempre que eu me "afasto" do blog, sinto que me afasto de tudo o que rodeia esse mundo. É como se cada vez que eu me recusasse a abrir o notebook pra vir postar, as vozes que gritam "nãocomanãocomanãocoma" vão dormir um pouquinho. Mas, ahn, nem todo mundo dorme pra sempre, né?
Como disse antes, tenho passado muito tempo na cama. Por preguiça ou falta do que fazer, não sei dizer. Sábado é o grande dia da volta pra SP, e eu sei que quando descer do avião minha correria irá voltar. O lugar inteiro cheira a desespero. Gente correndo, trânsito, todo mundo se preocupando com dinheiro sem nem ter onde gastar. Mas eu amo isso.
Estou ficando bastante ansiosa e pra ver se isso passa, entrei numa dieta com uma galera do grupo do facebook.

É basicamente uma dieta composta de líquidos. Disseram que vão tentar por 15 dias.

Eu só tenho água e chá matte por aqui (OHMYFUCKING) aposto que vou ter uma crise.

Sobre peso, estou estacionada. Parece que nunca mais vou sair da casa dos 70kg, e isso é bem, bem ruim.

Bom, acho que é só. Mais uma vez, queria agradecer as garotas que vem aqui e me dão uma força. É sempre bom saber que não estou desabafando para o vento.

Então até amanhã! Venho no final do dia e conto se sobrevivi aos leões.

Cuidem-se!

xx

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Se eu soubesse antes

o que sei agora, erraria tudo exatamente igual.

Sobre o post anterior: Agradeço as meninas que vieram indicar/opinar sobre médicos, instituições e todo o resto. Eu devo ter me expressado mal, sabe? Quero ajuda psicológica pra me acalmar, dormir, sei lá. Não quero ser curada de nenhum distúrbio alimentar. Eu não quero mudar a imagem que tenho de mim mesma. Eu quero ser o que sempre planejei. Não quero ninguém manipulando minha mente, despejando dentro dela potes de "você é linda, seu corpo é lindo". Não! Eu quero um psicólogo porque não sei ter amigos, não sei desabafar com ninguém, e a solidão é ruim.

Tudo resolvido.


Tenho dormido por dias, por isso não apareci por aqui. Detonei uma cartela de rivotril e umas três de dramin. Não tenho comido muito. Voltei a tomar o chá verde hoje e pretendo me pesar. Os dias parecem brincar comigo, e passam cada vez mais devagar. Ainda faltam 8 dias, e eles parecem uma eternidade.
Ando mais triste que o normal.
Quero uma solução pra vida, entendem? Quero tirar a alma desse corpo e encontrar um bicho bem bacana na floresta, e então entrar dentro dele e morrer ali.
Morar no meio do mato quando se é um bicho deve ser legal.
Eu queria saber.

domingo, 6 de abril de 2014

Um momento de embriaguez.

Somos quem podemos ser. Sonhos que podemos ter.

Já disse que Engenheiros do Hawaii é a melhor banda do mundo
Eu não tenho muito o que contar hoje. Estou infeliz com o layout daqui, mas não sei de sites onde posso encontrar algo melhor.
Ontem quebrei meu NF para evitar que meu futuro ex-namorado tivesse um colapso nervoso. Eu o amo, não gosto de vê-lo triste e isso vem acima das minhas vontades e loucuras. Foi pouca coisa, mas mesmo assim me acabei nos polichinelos e hoje retomei o NF. Até segunda, ou terça, ou até o próximo colapso.

Uma guria veio me confrontar sobre as coisas que posto no meu tumblr e WeHeart. "Você se rodeia de comida e não sente fome?" Não sabia que existia uma lei sobre isso. Gosto de ver comida, gosto de fazer comida, gosto de sentir o cheiro da comida. Apenas não gosto de comê-la. 

Li algumas páginas de Garotas de Vidros antes de dormir, mesmo tendo prometido a mim mesma que só pegaria no livro enquanto estivesse de NF. Não me pareceu errado na hora e não me parece errado agora.

Quero conhecer pessoas que morem próximo de mim. Quero sair. Quero conversar, tocar, olhar, cheirar, abraçar, dar risada. Em 18 anos nunca senti falta de contato humano. Acho que estou entrando numa menopausa precoce onde o único sintoma é a carência afetiva que vem e passa em alguns minutos quando a vontade é saciada. Como ser amiga de alguém me comportando desse jeito

Quero uma psicóloga. 
Quero uma namorada que aceite ser namorada devezemquando, assim mesmo, junto. Só pra sair de mão dada, levar no cinema, ler livros juntas, comprar roupa. Nada de sexo. Beijos, talvez. Nada de carinho excessivo. Essas coisas me cansam muito facilmente.

Alguém, por favor, me indique um psiquiatra. 

sábado, 5 de abril de 2014

05/04

De vez em quando vou intitular as postagem com datas para marcações pessoais.
Bem, o NF continua. Já são 36 horas, e nesse meio tempo já tomei 4 cápsulas de chá verde, pouco mais que 2 litros de água e antes de dormir fiz 100 polichinelos. Hoje pretendo fazer bem mais, afinal, não adianta fechar a boca e ficar parada, não é mesmo? Mesmo com o estímulo do chá verde, meu metabolismo já está muito prejudicado e precisa de muito empurro pra funcionar.
Não tem sido difícil recusar as tentações. Sinto-me indiferente a comida.

E vocês? Vi que algumas gurias tem feito polichinelos e fico muito feliz em saber disso! Dá um resultado incrível, acreditem. 30 minutos de exercício faz seu metabolismo continuar trabalhando por mais 12 horas (não é uma informação oficial, eu ouvi/li em algum ligar, mas mesmo assim, ainda é bom fazer exercícios haha) não é demais? Por isso, força!

Eu não tenho feito nada além de ficar no computador, dormir e fazer exercícios. Não saio de casa, então não tenho muito o que contar. Parei um pouco de ler Garotas de Vidro. É um bom livro, vou tentar arrumar um tempo para lê-lo hoje.

Se vocês quiserem conversar comigo mais "pessoalmente", eu deixei meus contatos ali em baixo, é só rolar até o fim da página e vocês verão meu facebook e tumblr.

Muita força nesse final de semana, meninas. Que iniciemos a próxima semana mais magras!

xx

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Sinto-me efêmera. Oh!

O dia correu como o esperado. Ontem lá pelas 22:00 eu comi arroz e feijão, um copo de coca e salgadinho.
Hoje iniciei um NF, tomei 3 cápsulas de chá verde e 1 rivotril. Dormi um pouco de tarde e quando acordei fiz 100 polichinelos. Antes de dormir pretendo fazer mais alguns.
Não sei bem como estou me sentindo. Estou a deriva.

E vocês? Tomara que esteja tudo bem. Volto amanhã pra dizer se consegui dar continuidade ao NF e exercícios.

Boa sexta-feira, divirtam-se.

xx

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Quase lá, eu estou quaaase lá.

Duas coisas: tenho uma notícia boa,  uma notícia ruim e um bônus de dieta.
A notícia boa é que consegui fazer 38 hrs de NF ontem! Tomei duas cápsulas de chá verde (ou três, não me lembro bem e vocês logo irão entender o porque) e não senti fome nenhuma. Em alguns momentos a coisa ficou meio apertada pois algumas gurias do grupo no whatsApp ficaram mandando fotos de comida e blerg. Lá pelas 15:30 eu achei um Rivotril na minha gaveta, alegria total! Mas infelizmente, estava vencido desde 11/13. Mas não pensem que não tomei muahmuha Tomei dois, fui pro banho, coloquei um desenho fofíssimo e dormi exatas 19 hrs. Ahn, que sono revigorante! E de barriga completamente vazia, é claro. Tudo que eu precisava depois daquela pizza horrorosa, argh.

E, bem, vamos a coisa ruim. Hoje eu tomei café e almocei na casa dos tios do meu namorado. Como estava a muito tempo sem comer, a comida quis voltar na hora. Tentei, tentei e tentei, mas não consegui miar. Deixei pra lá e voltei pro escritório da minha sogra (vou lá de vez em quando dar uma ajudinha). Amanhã quero outro NF de 38 hrs + rivotril (se não morri por ele estar vencido ontem, mal não fará amanhã muahmuha

Ahn, a dieta. É basicamente assim: 1 dia de NF, outro de sopa, um dia de NF, outro de sopa. Não vou colocar como LF pois não terei um cardápio pré-definido. Se der fome, como. Se não der, aleluia.

Espero que vocês estejam bem. Não tenho visto muitos blogs, mas vou dar uma garimpada por aí.


Outra coisa: me pesei na balança na casa da tia do meu namorado e adivinhem? 2 kg a menos! Não me empolguei muito pois venho oscilando faz um tempo, então só vou confiar quando voltar a minha rotina normal e a minha balança (que ainda irei comprar). É isso, meninas. 

Me desejem sorte!

xx

quarta-feira, 2 de abril de 2014

02/04

Só ontem voltei a minha realidade, percebi o que está rolando.
Alguns parentes do meu namorado vieram jantar aqui, e minha sogra assou pizza e fez bolo salgado. Eu cumprimentei todos, pedi licença e fui para o quarto fazer qualquer coisa que não pensar em comida. Até que minha sogra pediu com toda a falta de tato que "eu parasse com essa idiotice e fosse comer com todo mundo na mesa, como uma família" É mole? Eu não sou da família, não moro aqui e vou embora daqui alguns dias! 
Engoli tudo isso, sentei na mesa e ouvi pacientemente todas as abobrinhas que eles tinham pra falar. Me empurraram tudo que tinha ali, e o que não tinha também. Metade foi pro chão, pra boca dos cachorros. Infelizmente, a outra metade veio pra minha boca.
Aguentei tudo como uma pessoal civilizada e normal, aceitei todos os copos de suco, todos os pratos, todos os olhares raivosos para os meus braços/barriga/rosto que estão visivelmente mais fracos/menores.

Chorei no banheiro até meu namorado chegar. Não miei. Tomei banho e não olhei diretamente nos olhos de ninguém pra não chamar atenção, e fui dormir. Toda aquela comida se revirando dentro de mim, se transformando em bolos de gordura nojenta, me fazendo regredir, me tornando uma fracassada!

Foi ruim, realmente ruim. Mas passou. Acordei desmotivada, mas sem fome.

E sobre o começo do texto, eu nem ia contar sobre o ocorrido de ontem, e sim que estou voltando a despedaçar. Meus ossos doem muito, meus dentes estão fracos e moles, como se fossem cair a qualquer momento, minha pele está amarelada e meu cabelo parece papel. O preço que se paga é alto demais, acreditem. É por isso que eu fico tão indignada quando vejo essas gurias novinhas querendo se jogar na anorexia. Não é apenas sobre emagrecer, é mais, muito mais. Como se naquele primeiro dia em que você pensa "eu não vou comer hoje, e talvez nem amanhã", como se aquela primeira dor no estômago fosse como um tiro na sua nuca, e ali mesmo você morre, e o restante dos dias são recheados de pedaços do seu cadáver andando pela casa, tentando não engordar, tentando não se odiar ainda mais. Como se todas nós não passássemos de sacos de ossos e raiva. Já alcançamos nosso objetivo, não somos nada além de um corpo oco.

Isso soa mais frustrante do que deveria.
Só queria descansar com meu oco em paz.
Quero minha casa.


terça-feira, 1 de abril de 2014

Hello, new month!

Sinto como se cada dia "um" fosse um novo recomeço. Acordar com o pé num novo mês me motiva, me alegra e me deixa esperançosa. "Tudo vai sair como o planejado, e no começo do mês que vem, terei alcançando minhas metas!" Parece ladainha, mas juro por tudo que existe, não é.
Vou estipular metas reais, que eu sei que conseguirei atingir.

1 - Chegas aos 70 kg até maio. Ou seja, eliminar 9 kg.

2 - Chegar aos 65 kg até junho. Vou diminuir os números, assim não me cobro tanto.

3 - Chegar aos 55 kg até agosto.


Daí em diante, só alegria. Vou precisar de muito, muito esforço pra isso pois meu metabolismo só anda na base do remédio, argh. Quero muito voltar a academia, e isso só será possível se eu realmente me empenhar. Terei tempo e dinheiro, pois a faculdade só começo em junho. Logo, não tenho desculpas.

No geral, tenho comido como planejado. Nada de arroz, feijão, ou carne. Só sopa e chá verde. Isso já tem umas duas semanas. Ainda não fui me pesar para ver os resultados, mas não tenho pressa. Só quero ir lá quando minha barriga desinchar.

Bom, é isso. Espero que todas estejam bem.

xx

domingo, 30 de março de 2014

Infinitas possibilidades.

Bom, como deu pra ver eu troquei o modelo do blog. Não ficou exatamente como eu queria, mas vou ajeitando isso ao longo da semana.
Vocês estão bem?
Acabo de sobreviver a uma festa de família que durou 3 dias. Os parentes do meu namorado são extravagantes, grandes e animados; italianos. Daí vocês tem uma base pra imaginar quanta comida tinha nessa festa.
Comi o suficiente para não pegarem no pé. De resto, foi tudo tranquilo. Dei uns tragos no cigarro de algum parente desconhecido e voltei aquela sensação de tontura que eu sempre senti quando fumava. Foi tão, tão prazeroso. Me lembrei do porque aquilo me fazia bem. Fiquei calma, zonza e feliz. Dormi 16 horas.
Apesar de tudo, tenho me sentido muito inchada e grande. Acabo de sair dum ciclo menstrual. Apesar de ter diminuído bastante, a barriga pesada ainda incomoda.
Pretendo voltar com o chá verde a partir de amanhã.

Dia 19 tô voltando pra casa.
Sinto saudades.

xx

quinta-feira, 6 de março de 2014

Eu aposto que seu coração será partido,

eu aposto que seu orgulho será roubado.



2kg a menos. Já comentei? Tomara que não.
Os dias tem sido pesados. Meus pais ficaram orgulhosos de me verem encher o prato e comer como se fosse porco na lavagem, mas, ahn... é uma merda. Sobre dietas, acho que não preciso dizer nada. Não tenho seguido nada fielmente, só planejado. Mas mesmo assim os quilos estão indo embora com uma facilidade assustadora. Sei que estou doente, e muito. E não estou só falando da anorexia, mas de anemia e toda a porra que te apodrece de dentro pra fora.
Anyway. Vocês estão bem?
Provavelmente vou comprar as passagens nesse final de semana para poder voltar pra casa. Tenho sentido muita falta dos meus irmãos, pais e etc.
Mesmo assim, as coisas ainda parecem não se encaixar.

Alguém sabe como morrer sem ter de voltar para cumprir carma? Seria bom conhecer alguém que soubesse.

Ps: Estou com uma vontade louca de comprar comida e estocar embaixo da cama. Sonhei que isso acalmaria os barulhos no estômago.
Já estou sequelada.

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Não existe amor em SP,

mas é disso que eu vivo. Sinto saudade do ar poluído, da indiferença de todo mundo na rua.
Ah, cara, eu nem curto Criolo. Mas essa música me fode por dentro.

Tô querendo desabafar com alguém tem um tempo, tô fazendo merda. Comecei a fumar maconha, e daí já dá pra imaginar a situação. Não, o problema não é necessariamente "o uso da droga", mas a merda da larica que bate depois. Destruo meus nf's com tanta comida que dá até enjoo contar aqui. Não é como se eu estivesse viciada, é mais por tempo livre muito mal preenchido. Ahn, anyway.


Cês tão legal? Eu queria estar. Tô cheia de doença no fígado, estômago e rins. Uma dor infernal.
Queria que isso passasse logo.
Sinto que vou explodir.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

"Elegance is when the inside is as beautiful as the outside!"

- CHANEL.



Oi, meninas! Hoje eu só tô passando pra perguntar de vocês. Não tenho feito nada, logo... haha Aliás, ando até entediada. Nenhum grupo do whatsapp me entretêm, e acabo saindo de todos. Quem tiver indicações, fica a vontade.
E, ahn, estou pensando em iniciar um nf amanhã. Ando tomando umas coisas pra acelerar o metabolismo, mas como estou comendo feito um porco, a unica coisa que consigo é me manter no peso.
Me chamaram pra uma entrevista no banco, só falta marcar o dia. Estou ansiosa e espero que dê certo, caso contrário vou ter que voltar pra SP. Mas sei lá, sinto falta da Paulista e do metrô ):
Bem, é isso. Desculpem ser tão ausente, é que fica meio sem graça vir aqui todo dia e não postar nada decente. Espero seguir em frente com meus planos.

Cuidem-se, e mantenham-se fortes.

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Eu adoro andar no abismo;

[...] numa noite viril de perseguição, saltando entre os edifícios.

Jorge Vercillo, pra quem não conhece. Procurem ouvir, supera as expectativas de QUALQUER um.

Mas e aí, como vocês tem passado? Ontem fui me pesar e descobri que mesmo depois de tanta bobeira que andei fazendo, não sai do lugar. Continuo com o mesmo peso, o que tem seu lado bom e seu lado ruim. Fora isso, tudo normal. Tenho lido bastante, tomado muita água e isso cortou minha infecção. Queria ter algo mais relevante pra dizer, mas a vida anda monótona.

O vídeo do cantor, pra quem se interessar: http://www.youtube.com/watch?v=ttbi_BMByOk

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Situando.

Segunda-feira! Dia de colocar as coisas no lugar, trocar os hábitos, esquecer os deslizes do final de semana etc. Semana passada foi BEM complicado, sabe? Eu li e ouvi coisas que me deixaram desolada. Temos esse grupo no whats, e então algumas meninas falam mais do que o necessário. Numa dessas brincadeiras, uma delas acabou dizendo que não "conseguia continuar com isso, e que largaria a Ana", tipo, sério? Isso nunca foi uma escolha, ao menos pra mim. Acho que as pessoas andam encarando certos distúrbios como roupas em uma vitrine. O pior é ver status "Adeus, Ana e Mia", gente isso é sério. Ninguém sai postando "OMG, não posso mais dilacerar os pulsos" no facebook. Isso não é pra se tornar público, isso é uma doença! É uma obsessão. É um impulso que te faz chorar, vomitar e sentir que você é um NADA. Eu tenho momentos em que penso "Eu não seria nada sem essa voz na minha cabeça dizendo: VOCÊ CONSEGUE PASSAR 11 DIAS SEM COMER NADA, VOCÊ QUER FAZER ISSO!" e acabo encarando a "Ana" como uma amiga íntima, mas cara... Não é isso 24hrs. Eu sinto que mais nada faz sentindo.
Enfim, enfim, enfim. Já deve ser o 83274 post sobre esse mesmo assunto, mas aqui é o único lugar onde consigo falar sobre esse assunto.

O final de semana não correu como esperado, mas não vou remoer águas passadas. Essa semana eu começo com tudo! Achei uma tabela interessante, mas pretendo fazer o maior NF da minha vida. Já ouviram falar no ciclo 11? Basicamente, você fica 11 dias sem comer, depois come por um dia, e então repete. Sim, é bem puxado, mas eu PRECISO. Comer tem se tornado uma tortura enorme, eu tenho chorado mais do que como.

Mas e vocês? Não ando acompanhando todo mundo pelo blog, mas daremos um jeito nisso. Não vou mais na entrevista porque não tenho dinheiro. Darei entrada no seguro desemprego e vou pensar um tempinho. Faz bem pra alma.

Ahn, a tal tabela: http://4.bp.blogspot.com/-HXFOO9BBB2E/Ufl12ZMp8gI/AAAAAAAAAHY/RGF_UZj8fig/s1600/996542_446403828791660_1826655647_n.jpg

Cuidem-se!

sábado, 25 de janeiro de 2014

Significado de Dissipar: v.t.d e v.pron. Ocasionar o desaparecimento de;

desaparecer ou desaparecer-se; dispersar-se: o vento dissipou a chuva; a tempestade estava perto de se dissipar. 
Desaparecer no sentido figurado: as dificuldades ainda não se dissiparam; as tristezas dissiparam o amor. 
v.t.d. Gastar dinheiro em demasia; esbanjar: dissipou em duas semanas todo o seu dinheiro.
Figurado. Danificar pelo uso excessivo; estragar: dissipou sua vida e sua saúde bebendo todos os dias. 
(Etm. do latim: dissipare)

É só uma bobagem. Uma coisa que mexeu comigo dois anos atrás, quando resolvi trocar o nome do meu tumblr. 

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Entre o querer e o fazer. 1/58

Eu havia estabelecido uma meta de chegar aos 52kg até maio. Isso deve ter um, dois meses. Até agora não perdi uma grama, ao contrário. E acho que isso resume o começo de 2014, e cada segundo de 2013. Vontades frustradas, falta de empenho e bla bla blá.
Eu sumi, aham. E não fiz nada de construtivo nesse meio tempo, engordei, me senti péssima cada segundo em que estive com os pés na rua. E, ahn, não ganhei a bolsa pra faculdade. Acho que agora tudo o que me resta é achar um emprego e tentar um cursinho, e quem sabe voltar pra São Paulo ou qualquer coisa perto disso. Já devo ter ingerido umas 800kcal hoje. Me sinto inchada, feia e com a auto-estima destroçada, então meio que dá pra entender a falta de assunto.
Mas e vocês, tem passado bem? Eu espero que sim. Quero passar mais tempo aqui e no tumblr porque isso me motiva demais, sério.
Fiquem bem.
 

©2009 AIN'T IT FUN? | by TNB