terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Pt. 2

Resolvi intitular como "pt. 2" porque muitas mudanças tem ocorrido e sinto estar passando por momentos de decisões importantes. A respeito de dieta/ana/mia, nada tem ocorrido como planejado. Não, isso não é ruim. Não pra minha saúde, ao menos. Devo estar ingerindo certa de 1500 kcal por dia, o que tem me mantido no peso já que meu metabolismo se estabilizou para "normal". Não tomo mais franol pois inibe o uso do anticoncepcional, e não posso me dar a esse luxo agora que minha sexual voltou a ser ativa. Ahn, vejamos o que mais. Passarei o natal na casa da tia do meu namorado, o que é bem legal. A família dele é incrível e divertida, e a casa dela é linda. De noite eu tento vir e postar as fotos.
Não tenho estudado pro vestibular porque o edital ainda não saiu.
 Faço alguma caminhadas esporadicamente, quando minha sogra me pede pra resolver alguma coisa no banco. Não é nenhuma corrida olímpica, mas já me ajuda bastante.
Em janeiro pretendo ir atrás de uma escola de balé que tem aqui em Vitória.
Tenho tido conversas sérias e muito importantes com meu namorado. Acho que estamos crescendo como casal e etc.
Bem, é isso. Agradeço às meninas que vem aqui e me apoiam, dão conselhos e se mostram tão simpáticas. Perdoem se as vezes não retribuo, juro que não é maldade.
Feliz Natal pra todo mundo! Divirtam-se, livrem-se de pesos desnecessários e tentem curtir ao máximo as companhias dessa data bacana. Agora falta bem pouquinho pra 2014, e eu sei que tudo será melhor para todas nós.


sábado, 14 de dezembro de 2013

Bom dia.

Tem sido tempos difíceis. Cada dia é uma nova superação, não só emocional como física.
Vocês tem passado bem? Eu tenho tido episódios de sumiço, e acho que isso vai se tornar frequente, ao menos por um tempo. Não tenho mais vontade de escrever, porque não tenho mais vontade de seguir com isso tudo. Com as dietas, com o sonho, tudo. Não é nenhum discurso de "vou me matar e acabar com isso" e só falta de ânimo.
Apesar de tudo, algumas coisas deram certo desde a ultima vez que vim aqui. A viagem foi tranquila e já estou na casa do meu namorado. Pretendo ficar tranquila por aqui até janeiro, e então começo a procurar emprego e estudar direitinho pra faculdade. Ahn, passei de ano no colégio. Isso significa o fim do ensino médio.
A convivência tem sido melhor do que eu esperava, sem brigas e desentendimentos. Mas de alguma forma eu sinto que o estou privando de certas coisas. Como se a minha presença o impedisse de fazer/dizer coisas que, estando sozinho, ele diria. Talvez seja só minha insegurança e uma pessoa muito desagradável que ele tem na vida dele. É uma menina que perguntou assim "Você tá estragando sua vida colocando uma namoradinha de internet dentro de casa. Sabe disso, né?" isso me quebrou inteira. Eu não quero ser um empecilho. Relacionamentos são difíceis.
 Quero um bichinho. Um peixe ou uma tartaruga pequena, qualquer coisa que caiba num aquário e não se sinta mal dentro de um apartamento.
Ahn, é só isso. Cuidem-se e não percam a meta, sério. Mantenham-se fortes.
Já ouviram? Gostei muito: http://www.youtube.com/watch?v=IcrbM1l_BoI

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Boas notícias e muita, muita felicidade!

Ei, gatinhas 'u' Tô na "dieta da maçã", conhecem? Basicamente, você come de duas a três maçãs por dia, durante uma semana. A dieta promete eliminar 6 kg! O máximo, né? E eu tô precisando TANTO. Acho que será o meu milagre de fim de ano, hihi. Vocês estão bem? Eu to muito melhor, como dá pra perceber. Ingerir menos que 300 kcal por dia me deixa animada e me mostra que eu sou capaz de controlar algo na minha vida.
Amanhã é meu ultimo dia na escola/trabalho. Vou ficar na casa do meu pai até dia 11, e aí eu viajo. Acho que comentei aqui antes, vou pro ES prestar a federal de lá pra psicologia. Tô super empolgada com a idéia de ficar longe de tudo por onze dias. Vou poder fazer minhas dietas, ficar longe de tudo que me faz mal e organizar meus pensamentos.
Fiz duas provas importantes terça e quarta e espero ter ido bem, se eu conseguir ao menos um 8, passo de ano ‘u’ Bem, torçam por mim. Amanhã eu tento postar rapidinho. Meu notebook está no concerto e vou tentar pegá-lo no sábado, mas como imprevistos acontecem... Se eu sumir, já sabem. Mas eu vou dar um jeitinho.


Cuidem-se!

sábado, 23 de novembro de 2013

Pt. 1

E então, porque somos assim? Temos uma lógica tão falha, tão cega e infantil. Sou a unica a acreditar que transtornos alimentares NÃO são amigos? Eu penso em morrer, penso em me machucar, penso em tudo que me destrói por dentro, então como isso é bom? Vejo as "novatas" idolatrando e levando essa história de Ana/Mia na brincadeira, adotando como estilo de vida. Isso mata, sabe?

Perdoem chegar assim, mas como todo mundo aqui, tenho passado pela fase "vida de merda". Ganhei 2kg, choro sempre que estou sozinha e me sinto cada vez mais repugnante e feia. Quem nunca, né? Uma coisa me chateou bastante agora pouco, minha irmã de 11 anos está mostrando claros sinais de anorexia, e meu pai não vê. Eu peguei ela jogando a unica refeição do dia no lixo. Ela é só osso e parece estar obcecada com isso. 11 anos... nessa idade eu pensava em doces e Polly. 
Ando vendo diversos canais de comunicação abordando o tema anorexia. Seria essa, de alguma fora, uma influência? Estou preocupada. 
Não me sinto à vontade agora pra falar sobre superficialidades do meu dia, mas logo eu volto e prometo ser mais... tranquila e agradável. O foco hoje é apenas fazer um apelo: Meninas, se tiverem como, NÃO entrem nessa! Anorexia não é uma coisa boa. Mata! Busquem outras formas de se sentirem bem. Acreditem, isso é como se atirar num abismo que termina no inferno.

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Alô, sexta-feira.

Hoje teve uma festa aqui na clínica e ficaram me vigiando. Não deu outra: tive que comer. Falhei tragicamente no primeiro dia do desafio, mas isso NÃO vai me fazer desistir. Vou compensar em exercícios e amanhã reduzo ao máximo as calorias para me adequar.  
Ontem eu ia contar sobre a peça, mas acabei desanimando. Sei lá, ando tão... Avulsa. No geral, acho que está tudo bem. Esse final de semana eu queria descansar, mas estou com milhares de trabalhos do colégio e não posso vacilar. O melhor é que estou sem computador em casa. E agora? Haha. Enfim, e vocês?
Não falo sobre a peça porque não vale à pena. Um dos atores deu um testemunho sobre como parou com as drogas, e, ahn, ele estava claramente chapado. Foi trágico.
Bom, é isso. Amanhã e domingo estarei sozinha e vou ficar firme no desafio. Pretendo ensaiar algumas coreografias e relaxar, terminar uns livros, arrumar meu guarda-roupa. Já disse que eu sou apaixonada por dança? Não sou nenhuma bailarina, mas já fiz aulas de balé quando era pequena e é uma coisa que me fascina. Quando Todo o Mal passar, eu pretendo voltar às aulas e tomar isso como um hobby de verdade, hihi. Outra coisa, cês sabem de algum grupo no Whatsapp? Ao que me parece as meninas que cuidam dele deram uma sumida, e eu fiquei chupando dedo. Quem puder me dar um auxílio... eu sou meio desesperada com esse tipo de coisa, haha. Enfim.

Até segunda, meninas ;=;

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Sweet November.

Ando precisando de um “balanço”, então resolvi participar de um desafio! Acho que nunca fiz isso a sério, aí resolvi me envolver de verdade. Para quem quiser me acompanhar, tá aqui o blog da piá: http://acreditaemtievoa.blogspot.com.br/2013/10/desafio-thinspo-time.html
Os dias andam bem tranquilos. Ontem assisti a uma palestra de um carcereiro de uma cadeia aqui perto de casa e chorei MUITO. Ele falou sobre crianças mortas, pais, enterros etc. Todo esse tipo de coisa que mexe com a gente. Hoje tem um “teatro” que vai ser realizado pelos presos dessa cadeia, e eu vou tentar arrumar 3,00 pra conseguir ir. Sim, esse é o valor da “entrada”. É mais pra ajudá-los, algo assim.

Bom, e vocês? Espero que tudo esteja correndo bem. Eu ando um pouco desanimada, deixando a tranquilidade me empurrar pelos meses. Já estamos chegando em novembro, minha nossa! Onde foi que outubro passou? Eu nem vi. Acho que estou colocando muitas expectativas em 2014 e estou deixando 2013 passar despercebido. Uma pena. Bem, é isso. Amanhã venho e conto como foi a peça. 
Cuidem-se.

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

ROAR!

Ufa! Que final de semana corrido, gente. Eu dormi muito pouco, fiz o Enem, comi mal. Enfim, um desastre total, hahaha. Mas agora está tudo tranquilo. Eu estou sem computador lá em casa, por isso fico sem postar nos finais de semana.
E vocês, passarem esses dias bem? Eu interrompi o uso do Franol. Primeiro porque começou a me fazer MUITO mal. Eu tremia, minha pressão foi lá em cima e meu estômago começou a criar nós de cimento (metaforicamente falando, é claro). Vou pensar em alguma coisa mais “segura” e tentar manter o controle. Dicas? Eu agradeceria muito.
Não tenho muita coisa pra dizer, ahn. Só estou empolgada com a ideia de que faltam apenas 34 dias para que eu viaje e veja meu namorado de novo.

Eu sou hiper atrasada e só vi a musica da Kate agora. Já ouviram? http://www.youtube.com/watch?v=CevxZvSJLk8

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Cabum!

Meu doce e querido Franol! Acabo de tomar o primeiro do dia e já me sinto espiritualmente melhor. Ontem o dia foi bastante agradável. Ingeri aproximadamente 60 kcal, com 3 biscoitos de água e sal durante o dia. Antes de ir ao colégio acabei aceitando um chocolate de uma amiga, tsc. Mas me permiti isso, já que havia me comportado tão bem o dia todo. Assisti a um filme bem legal chamado “A vida é bela”. Chorei, chorei, chorei hahaha. Simplesmente lindo.
Quando cheguei em casa comi um prato de arroz e feijão e me senti meio culpada. Mas depois de umas rápidas pesquisas descobri que a combinação não faz tanto mal pra minha dieta como eu imaginava, de toda forma, não vou exagerar. Hoje tomei um pouquinho de café preto sem açúcar e comi dois biscoitos, aproximadamente 41 kcal. Sinto-me feliz e animada!

Ah, como minha mesa aqui na clínica é muito afastada dos outros, eu passo o dia assistindo lives das minhas bandas prediletas. Atualmente estou abusando de The XX. Conhecem? Vale a pena: http://www.youtube.com/watch?v=RCBRdztYc5Q

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Ei, vocês.

Oi, como vocês estão? Eu estou bem. Eu não gosto de sumir do blog, porque, ah, não é só “parar de postar”, é acompanhar toda uma vida que eu moldei pra mim, é ver vocês, é saber como estão, enfim. Eu tenho passado por bastante coisa, mas nada interessante o suficiente pra contar. Comi “normalmente” nas ultimas duas semanas, e provavelmente ganhei uns 2 kg. Mas sei lá, não estou tão triste com isso. É claro que estou parecendo um urso de tão grande, mas agora tudo parece tão... Vago. Eu comecei a tomar Franol. Estou trêmula desde as 08h00min, quando tomei o remédio. Eu sabia que isso aconteceria, mas no começo me assustei bastante. E também estou fazendo muito xixi. Sinto-me bem levinha, tranquila. E com mal de Parkinson, haha. Tenho pensando muito sobre como ando levando minha vida, e sabem de uma coisa? Não estou aproveitando tudo o que deveria aproveitar. Em dois meses eu vou embora de São Paulo, provavelmente nunca mais verei meus pais, nem as pessoas com as quais estou acostumada. Nunca fui próxima deles, mas é estranho. Eu vou tentar a federal do Espírito Santo ano que vem. Meu namorado mora lá. Quero finalmente iniciar a minha vida da forma correta. Eu quero poder ser a Larissa que eu sempre quis ser. Independente, feliz. Eu tenho medo de muitas coisas, claro. Mas eu quero encarar tudo de frente. Quero que as coisas comecem a dar certo, não só porque “o destino quis assim”, mas porque eu mereço, porque sou uma boa pessoa e mereço ser feliz. Vocês conseguem entender isso? Vou tentar retomar o pique, vou voltar pra minha rotina saudável. Vou viver! Vou ler todos os livros que estão parados no armário, vou estudar e mandar bem no Enem, passar na faculdade, emagrecer, ouvir o álbum da Tulipa mil vezes. Vou respirar fundo e entender que a vida é uma só, e que eu tenho tudo pra ser feliz!

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

12:07

Tô tirando um tempo pra pensar.
Conversamos depois.

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Stay away, sweet misery.

Eu vim até aqui pronta pra descarrilhar em cima de quem quer que fosse, mas não! Eu vou trazer a dieta que estou pensando em fazer, e não vou reclamar!
Encontrei isso em algum lugar, e acho que vale a tentativa. O nome é Dieta da China.


Segunda:
De manhã: uma bolacha de água e sal, com café ou um chá com adoçante.
Meio-dia: um pedaço de peixe e salada à vontade.
Janta: dois ovos cozidos com sal. (ANTES DAS 20h00min)

Terça:

De manhã: uma bolacha de água e sal, com café ou um chá com adoçante.
Meio-dia: um pedacinho de galinha, salada, salada de frutas ou um iogurte.
Janta: um bife magro com pepino.

Quarta:
De manhã: uma bolacha de água e sal, com café ou um chá com adoçante.
Meio-dia: Dois ovos cozidos, salada verde e tomate.
Janta: presunto magro, salada de repolho, cenoura e chuchu à vontade.

Quinta:
De manhã: uma bolacha de água e sal, com café ou um chá com adoçante.
Meio-dia: uma cenoura cozida ou crua, duas fatias de queijo magro.
Janta: salada de frutas sem açúcar ou um copo de iogurte.

Sexta:
De manhã: uma bolacha de água e sal, com café ou um chá com adoçante.
Meio-dia: filé de peixe ou dois ovos cozidos, salada verde à vontade.
Janta: um bife e salada de frutas a vontade.

Sábado:
De manhã: uma bolacha de água e sal, com café ou um chá com adoçante.
Meio-dia: frango assado á vontade.
Janta: dois ovos cozidos com sal.

Domingo:
De manhã: uma bolacha de água e sal, com café ou um chá com adoçante. Meio-dia: Um bife grande e frutas a vontade.
Janta: comer o que quiser que esteja dentro do regime.


Bom, é isso. Tenho acompanhado todas vocês pelo blog, e espero que fiquem bem.
Cuidem-se!

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Desastres, desastres everywhere.


Sabe quando você anda na rua e todos parecem te olhar? Você nunca sabe se tem algo errado com seu rosto/corpo, ou se estão te olhando porque, nesse dia, você está excepcionalmente bonita. Bem, eu passo por isso todos os dias, e no meu caso, eles me olham por pura estranheza. De vez em quando eles até sorriem pra mim, mas eu sou desconfiada demais para retribuir, então só abaixo a cabeça e fico envergonhada. Às vezes eu acho que eles me olham porque eu sou bonita, outras, apenas porque sou feia demais e eles não conseguem entender porque ando na rua. É desastroso.

Falando em desastre, acho que vou ser demitida. Bem, eu vivo na corda bamba com esse emprego, mas a minha chefe é realmente maluca. Acho que ela já está de saco cheio.

Andei exagerando na comida esses dias, mas hoje estou disposta a ficar de LF. Preciso emagrecer!

E, ahn, andei conversando com meu namorado e uma ideia maluca nos passou pela cabeça; arrumar outra namorada, hahaha. Isso nunca aconteceria, e mesmo se acontecesse, acho que estragaríamos tudo. Eu tenho o relacionamento mais maluco da história. Qualquer dia conto mais sobre nós, e posto uma foto dele.

Eu li alguns blogs, mas nem deu tempo de comentar nada. Mais tarde eu faço isso com calma.

Cuidem-se!

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Contagem regressiva.


Comi feito uma porca! Eu nunca havia me desesperado TANTO, e acho que engordei todos os 4kg perdidos na ultima semana.
Argh, mas eu não vou desistir. Agora é fazer caminhada a semana toda e tentar reverter essa situação. No geral, o final de semana foi  bom. Eu adoro ficar com bebês, e o filho da minha ex-madrasta  tem 8 meses, awn.
E como pouca desgraça é bobagem, comi um pacote inteiro de waffer pela manhã e tomei um Yakult. Mas é só! Hoje não vou comer mais nada!

Espero que essa semana corra mais tranquila. Quero chegar nos 70kg antes do dia 15.
Ahn, consegui falar com meu namorado, e acho que agora vai ficar tudo bem.

Força meninas, porque o fim do ano está só começando.

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

E lá vamos nós.

Minha ex-madrasta me chamou para passar o final de semana na casa dela. Nós passamos a nos dar muito bem depois que ela saiu da casa do meu pai. Eu não queria ir, porque sei que ela vai me encher de comida e eu não poderei vomitar/usar laxantes nem nada que o valha! Mas, ahn, deixa estar. Segunda eu entro num NF de 48hrs. Não pra compensar o fim de semana, mas apenas pra provar a mim mesma que sou capaz.
O dia no trabalho está estressante, e sinto que minha cabeça vai começar a doer. Estou incomunicável com meu namorado e isso só torna tudo pior ainda. Mas vou tentar aproveitar a companhia da minha meia irmã e do filho da minha ex-madrasta, que, por acaso, é uma gracinha.
Eu não quero ficar distante do blog nesses 3 dias, então farei o possível pra aparecer.
Cuidem-se e não percam a cabeça!

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Hiperatividade!

1kg! Mais 1kg perdido! Estou eufórica desde ontem, mas acordei decidida de que hoje comeria algo "normal". E então fui até a farmácia e bem, 77kg. Eu estava com 81kg a algumas semanas, e então algo aconteceu. Eu tenho certeza de que vocês conhecem essa sensação; o estômago parece borboletar, a cabeça não pensa em nada que não seja "preciso perder cada vez mais!". Estou me sentindo bonita pela primeira vez em meses.
Eu não sei mais se isso realmente me faz mal. Esse sentimento é incrível!

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Você se sente vivo?

Desde pequena eu sempre tive uma coisa muito boba em mim: eu sinto a dor dos outros. A dor de estranhos, a dor dos meus pais, dos meus irmãos, dos meus bichos. A dor de vocês, que se expõem de uma forma tão dolorosa. Eu sinto cada choro, cada dor no estômago, cada ânsia. Cada pedaço de mim corre e vai pra perto de vocês todas as vezes em que algo ruim acontece. E não pense que esse pedaço vai pra ajudar, consolar e dividir a dor. Ele vai pra aumentar. Ele engole tudo o que acha e mastiga, tritura, queima e rasga.
Eu não sei o porque, nem como e quando isso começou. Eu acredito em carma. Talvez esse seja o meu carma.
Eu estou dizendo isso porque li um texto que me fez chorar, me fez lembrar de todas as vezes em que eu quis morrer, de todas as vezes em que tudo o que eu comia me corria por dentro. De tudo o que eu perdi ficando trancada em casa, com medo de sair e ficar exposta a comida. Com medo de ser feia, medo de ser rejeitada, medo dos olhares de desaprovação.
É como se eu nunca tivesse nascido, como se tudo isso fosse apenas uma sombra do que eu joguei fora. Eu nunca vou saber o que é ser uma pessoa que come, vive e sente prazer nas menores coisas. Eu nunca soube viver, nem me comportar como alguém assim.
Eu nunca me senti viva.

sábado, 21 de setembro de 2013

Uma pausa na realidade.

Gostaria que vocês ouvissem isso.

-

Eu tive um dia bem estranho ontem. Me segurei o dia todo durante o expediente de trabalho, mas quando fui pra escola sabia que as coisas sairiam do controle. Eu havia combinado de sair com os meninos para jogarmos videogame e assistirmos filmes, e era óbvio que eu seria forçada a comer alguma coisa, e era óbvio que eu sentiria todo o meu estômago se retorcer durante horas a fio. Mas essa foi a parte boa. Eu consegui controlar a dor me mantendo calma e tentando pensar em outras coisas que não envolvessem aquelas adagas que estavam dentro da minha barriga.
Eu tenho um relacionamento conturbado com algumas pessoas do meu passado, e uma delas voltou. Eu não sei se é a minha baixa auto-estima que me faz correr atrás de pessoas que vão me fazer sentir como um lixo, e que, eu sei, me destroem e nunca me oferecem nada de bom. Mas mesmo assim, eu nunca me escuto.
Enfim, acho que o pior já passou e eu vou ficar bem esse final de semana.
Eu estava conversando com a minha chefe e ela me falou sobre um tal remédio chamada "Sibutramina". Eu fui pesquisar e os feitos do remédio são inacreditáveis, mas tem um porém: É proibido vende-lo sem receita. 
O remédio é bem forte e tem muitos efeitos colaterais, mas eu queria a opinião de vocês. Já tomaram? Conhecem alguém que toma? Não sei se é o momento certo de ir atrás de alguém que me arrume ele, ou deixar de lado essas loucuras.
A minha cabeça, assim como o meu estômago, vai acabar explodindo.

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Sinceras desculpas.

Vai ser um pouco complicado postar na semana por conta do trabalho, mas vou me empenhar. Não tive muito sucesso nas tentativas dessa semana em me controlar, mas o fim de semana está aí, e eu sempre consigo manter as rédeas. Eu agradeço as meninas que comentaram e  espero que a partir de agora eu encontre forças em todo esse apoio que estou recebendo.
Falta muito pouco pra tudo ficar melhor, eu tenho certeza.

domingo, 15 de setembro de 2013

A quem possa interessar.

Falhei.
Mas toda ação está sujeita ao erro, então eu não me frustro e não desisto. Acho que uma próxima tentativa de NF só mês que vem, quando eu estiver realmente habituada. Por enquanto, eu continuo seguindo pequenos LF's durante a semana. Quando estou "lá fora" as coisas se tornam mais fáceis, afinal, ouvir o tempo todo que "logo irei me curar disso e voltarei a comer como uma draga" é sempre um grande impulso.
Foram 4 laxantes em 2 dias. Foram 4 pães e muito suco. Até que, pra quem está começando, não foi tão ruim. Já sinto os efeitos dessa primeira semana, nada que me deixe contente, mas nada que me faça desanimar.
Vai dar tudo certo.

sábado, 14 de setembro de 2013

Apenas checando.

Tive o que chamamos de "compulsão". Dois pães, incontáveis copos de sucos. Não miei, não chorei. Já havia tomado laxante, então apenas esperei. 23:40hrs tudo veio. Dormi com uma certa culpa. Não por ter comido, mas por ter me sentido tão nojenta ao comer.
Eu entrei de cabeça em um mundo que parece não me pertencer. Sonhei coisas ruins, acordei com uma tremenda dor de cabeça e tomei outro laxante.
Hoje começo meu primeiro NF.
Estou confiante, apesar de tudo ao meu redor me dizer "pare, pare, pare!"
Que tudo dê certo, para todas nós.

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

A primeira de muitas.

Eu sei, não faz sentido sair criando postagens atrás de postagens, mas é assim que eu funciono: aos poucos. Tomei Lacto Purga a cerca de 2 horas, pois pretendo começar meu primeiro NF amanhã e quero estar "limpa". Sinto meu estômago se contorcer e rasgar cada pedacinho em mim. É realmente para ser assim? Juro que não estou reclamando. Mas é como se cada coisa que sai de mim, levasse tudo. Não só a gordura, mas a culpa por ter comido, a vontade de continuar, literalmente o que eu me tornei.
Que grande passo para quem está apenas começando.
Vou dar um jeito nisso e me distrair. Não posso/quero comer. Comprei 1 leite de soja Ades e 1 suco de abacaxi da mesma marca para que eu passe o final de semana bem.
Que tudo dê certo.

Pra começo de conversa.

Dois dias.
Dois extensos e dolorosos dias. Eu nunca tive um blog, nem nada muito perto disso. Uma vez tive um tumblr que acabou virando um caderno de fotografias. Eu não sei me expressar muito bem, mas acho que a tentativa é válida. Não vejo razões para me esconder, então vamos lá. Larissa, 18 anos, aproximadamente 1,70 de altura, 78kg que me fazem definhar todos os dias. Conheci o que chamam de Ana e Mia a pouquíssimo tempo.
Dois dias. O tempo que levou para que eu sentisse nojo de comida, passasse a vomitar e tomar diuréticos e laxantes. Dois dias. Agora eu me encontro assim, um caco emocional. Estou desmontando.
A jornada vai ser longa daqui em diante.

 

©2009 AIN'T IT FUN? | by TNB